fbpx

Aquecer ou alongar pré atividade?

Está aí uma pergunta que sempre foi feita em academias e as respostas divergem muito.

Antes de mais nada vamos definir cada um.

Entende-se por aquecimento todas as medidas que servem como preparação para a atividade, seja para o treinamento ou para competição, cuja intenção é a obtenção do estado ideal físico e psíquico bem como preparação cinética e coordenativa na prevenção de lesões. (Werneck, 2003).

Já o alongamento é uma manobra terapêutica utilizada para aumentar a mobilidade dos tecidos moles por promover aumento do comprimento das estruturas que tiveram encurtamento adaptativo. (Colby,2005).

Em um trabalho de revisão de 52 artigos publicado por (Alencar,2010). Foi constatado que o aquecimento tem por principal objetivo prevenir lesões devido à sua gama de efeitos fisiológicos. A realização do alongamento no término do gesto esportivo tem por finalidade evitar o encurtamento muscular, ou se realizado diariamente e por um longo período, favorecer o aumento do número de sarcômeros e, consequentemente, proporcionar um ganho de flexibilidade.

Dito isso, o aquecimento global quanto especifico trazem melhores resultados pré atividade pela prevenção de lesões e também melhor rendimento durante a atividade através da maior irrigação da musculatura e do alcance da temperatura ideal para o treino.

Já o alongamento traz melhores resultados pós atividades pois evita o encurtamento muscular devido a fortes contrações ocasionadas durante o treinamento.

Por: José Luiz (Robinho)

Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.